Notícias

10.04.2022

Conheça os filmes premiados da 15ª Festa do Cinema Italiano

Europa de Haider Rashid premiado pelo júri e L’arminuta, de Giuseppe Bonito, é o preferido do público na 15ª Festa do Cinema Italiano.

Estão escolhidos os vencedores da competição da 15ª Festa do Cinema Italiano.

O júri fez questão ainda de apontar uma Menção Especial no ano em que a normalidade já quase se fez sentir com o festival de volta às suas datas originais e à casa mãe, o Cinema São Jorge. Uma Festa repleta de sessões cheias, concertos e festas esgotadas e ainda o melhor cinema de autor italiano. 


Europa de Haider Rashid, é o grande vencedor do Prémio do Júri da 15ª Festa do Cinema Italiano. Premiado de forma unânime pelo júri – constituído por Pilar del Río, Salvador Sobral e Leonor Teles – o filme Europa foi o escolhido com a seguinte justificação por parte do júri: "É um filme do nosso tempo. Nesta época de solidariedade branca, o filme relembra-nos que devemos olhar também para tudo o resto que se passa no mundo. A imersão do filme faz-nos acompanhar de forma intensa e próxima a jornada desta personagem. A tensão presente em todos os momentos deixa antever as emoções sentidas por Kamal. É um filme necessário, onde o ser humano luta pela liberdade e convivência”.


Na secção da competição, o júri atribuiu ainda uma Menção Especial a Lovely Boy de Francesco Lettieri considerando o seguinte: "Em Lovely Boy, o papel representado pelo incrível Andrea Carpenzano leva-nos para um universo de apatia e desinteresse profundo de jovens que embargam as próprias vidas num movimento escapista e recorrente. Um retrato da actualidade, protagonizado por uma personagem magnética e apaixonante.


L’arminuta, de Giuseppe Bonito, venceu o Prémio do Público. O filme preferido do público desta edição da Festa do Cinema Italiano é baseado no romance best-seller de Donatella Di Pietrantonio, vencedor do Prémio Campiello. Giuseppe Bonito filma com elegância um coming-of-age na Itália rural dos anos 1970; sem sentimentalismos, mas as emoções são garantidas. O realizador sabe como transportar para o ecrã as sensibilidades feridas das personagens do romance homónimo, ironicamente trabalhando mais os olhares, os gestos e os silêncios do que as palavras. Cruzando habilmente duas esferas, o realizador de Manual de Sobrevivência para Pais constrói um retrato do clima social de uma Itália que, após o boom económico dos anos 1960, viajou a duas velocidades. É neste contexto que se desenvolve a história de L’arminuta, que se enraíza nessa realidade mas que também se estende a condições e constrangimentos que infelizmente existem no presente.


A 15.ª edição da Festa do Cinema Italiano encerra hoje, dia 10 de abril, com uma programação marcada pelo novo cinema de autor italiano, o centenário de Pasolini, sessão e debate dedicado à saúde mental, ciclo sobre o amor em várias épocas e muito mais.

Organização

Il Sorpasso

Parceiros institucionais

Compete 2020
Compete2020
Compete2020

Patrocinador principal

Fiat

Patrocinadores

Tranquilidade Seguros

Parceria estratégica

EGEAC

Parceiros de programação

Cinema São Jorge
República Portuguesa

Transportadora oficial

FEDEX

Parceiros media

RTP 2

Apoios

A Voz do Operário

Co-produção: Cidades

Câmara Municipal de Almada

Apoios à divulgação

Agenda Cultural de Lisboa